R$0,00

Nenhum produto no carrinho.

R$0,00

Nenhum produto no carrinho.

Por que é tão importante castrar meu animal de estimação?

Castrar o animal de estimação é uma decisão muito importante, não apenas para quem tem um cãozinho ou gato em casa, mas para todos que amam os animais e sofrem ao ver as inúmeras dificuldades pelas quais passam os peludinhos que foram abandonados.

 

Atualmente existe uma grande preocupação com o controle populacional de cães e gatos, e a castração é uma das formas de evitar que animais (principalmente filhotes) sejam abandonados diariamente nas ruas, portas de clínicas veterinárias, pet shops, ONG’s de proteção animal. Mas além de evitar ninhadas indesejadas, também se torna uma questão de saúde. Castrando o seu animal você está prolongando a vida dele, e proporcionando uma qualidade de vida melhor.

 

De um modo geral as pessoas têm dificuldade em reconhecer na castração de animais um ato de amor. Sim, porque essa atitude contribui para que seu pet tenha uma vida mais saudável e ainda ajuda a salvar a vida de muitos outros animais que não possuem a mesma oportunidade de ter um lar e receber os cuidados que precisam.

 

O procedimento também elimina a gravidez psicológica, comum em algumas fêmeas após o término do cio, o que ocasiona aumento das mamas, a produção de leite e irritabilidade excessiva.

 

Benefícios da castração para o animal

  • Em fêmeas, o procedimento diminui o risco de câncer de mama. E quanto mais cedo, melhor: 99% das cadelas castradas antes do primeiro cio não desenvolvem a doença. Já em gatas, a castração reduz as chances de câncer de mama entre 40% a 60%;
  • Em machos, a castração reduz a frustração sexual e a necessidade de sair em busca de “namoradas”. Ao mesmo tempo, isso diminui o risco de fugas, atropelamentos e brigas com outros machos;
  • As fêmeas não ficam mais vulneráveis a infecções uterinas graves, como a piometra, uma vez que o seu aparelho reprodutor é removido durante o procedimento;
  • As fêmeas não entram mais no cio, poupando os tutores de lidar com o sangramento e com possíveis cães de rua importunando no portão;
  • Já em machos, reduz-se em grande escala os problemas de próstata e evita-se o câncer de testículo, que pode ser fatal;
  • Cães e gatos machos sentem menos necessidade de marcar o seu território com urina;
  • Seu animal de estimação também pode ficar mais dócil, facilitando a interação e reduzindo situações problemáticas – especialmente entre os que tinham comportamento agressivo antes.;
  • Uma vez que seu cão está castrado, consulte seu veterinário sobre a quantidade de comida que você deve oferecer. Em geral, os animais castrados consomem menos calorias. Ressaltamos ainda que a castração em si não faz os animais engordarem. O que acontece em alguns casos é a redução de atividade física (o animal fica mais calmo), o que o leva a ganhar peso. Basta ficar de olho e não deixar de exercitá-lo.

É bom ressaltar que a castração não faz os animais engordarem, o que acontece em alguns casos é a redução de atividade física, pois o animal fica mais calmo e isso sim pode levá-lo a ganhar peso! Então, vamos ficar de olho e não deixar de exercitá-los, ok?

Esqueça os mitos

Quando o assunto é o cuidado com os pets quase todo mundo tem uma opinião para dar. Em relação à castração, há quem diga que faz o animal engordar, ficar desanimado ou frustrado. No entanto, esses são mitos que vem sendo replicados ao longo do tempo e que acabam te deixando assustado.

Lembre-se que, ninguém melhor do que o veterinário para tirar todas as suas dúvidas sobre a saúde do pet. Afinal, assim como você, o profissional deseja que o seu animal de estimação tenha uma vida fantástica.

Ficou alguma dúvida sobre o tema? Compartilha com a gente nos comentários agora mesmo!

 

 

 

 

Leia também